Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Livres → 2017 → Divergências Morfométricas entre Populações de Melipona subnitida Ducke (Hymenoptera : Apidae) No Semiárido

Novas Edições Acadêmicas (2017)

Divergências Morfométricas entre Populações de Melipona subnitida Ducke (Hymenoptera : Apidae) No Semiárido

Jose Aldenor de Sousa ; Antônio Vitor Machado ; Patrício B. Maracaja

Titre : Divergências Morfométricas entre Populações de Melipona subnitida Ducke (Hymenoptera : Apidae) No Semiárido

Auteur (s)  : Jose Aldenor de Sousa ; Antônio Vitor Machado ; Patrício B. Maracaja
Editeur  : Novas Edições Acadêmicas
Date de parution : 28.10.2017
Pages : 56

Présentation
Neste realizou-se um estudo morfométrico desta espécie de abelha criada em condições artificiais no semiárido brasileiro, com a finalidade de verificar divergência em sua morfologia, de forma a identificar possíveis variações dessa espécie. As abelhas foram coletadas de criadores de abelhas sem ferrão distintos, de duas localidades do município de São João do Rio do Peixe, Paraíba-PB. Foram avaliados 200 cortiços, e identificados 30 de maior percentual de produção, de onde foram selecionados aleatoriamente 10 para nível de coletas dos insetos em cada localidade. Foram coletadas 60 abelhas operárias, sendo 3 abelhas referentes a cada cortiço. Os parâmetros morfométrico avaliados foram : Comprimento Transversal, Comprimento Longitudinal, Pernas Coletoras, Asas Anteriores, Asas Posteriores e Peso por Inseto. Entre as características avaliadas foram constatadas diferenças significativas entre todas, quando se trata dos indivíduos de localidades diferentes, Corroborando assim com a existência de variabilidade morfométricas entre as localidades avaliadas. As divergências constatadas pela morfometria demonstram que as técnicas são ferramentas importantes na avaliação de sustentabilidade.

Annonce de l’ouvrage et achat (€ 35,90 en 2021)

Page publiée le 30 décembre 2021