Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Master → Brésil → 2021 → Modelagem da suscetibilidade ao voçorocamento na área urbana do Município de Garanhuns, Pernambuco

Universidade Federal de Pernambuco (2021)

Modelagem da suscetibilidade ao voçorocamento na área urbana do Município de Garanhuns, Pernambuco

ALEXANDRE, Fernando da Silva

Titre : Modelagem da suscetibilidade ao voçorocamento na área urbana do Município de Garanhuns, Pernambuco

Auteur : ALEXANDRE, Fernando da Silva

Université de soutenance : Universidade Federal de Pernambuco

Grade : Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente 2021

Résumé
O processo de voçorocamento é natural e condicionado às características físicas, mas pode ser intensificado através de fatores antrópicos. A erosão dos solos é um problema mundial, principalmente em áreas semiáridas, onde há uma maior fragilidade ao voçorocamento, já que a cobertura vegetal é esparsa e as chuvas se concentram em grande quantidade e em um curto período de tempo. Portanto, a necessidade de se conhecer quais áreas são mais suscetíveis ao voçorocamento e quais seus condicionantes torna-se de grande importância. Este trabalho tem como objetivo a realização de uma análise da suscetibilidade ao voçorocamento e mensuração erosiva na mancha urbana do município de Garanhuns, Pernambuco. Para tanto, utilizou-se de um modelo preditivo probabilístico, que possibilitou averiguar as áreas com maior suscetibilidade ao voçorocamento em uma escala de 1:5.000. Para a realização da pesquisa, o modelo utilizado foi a regressão logística, a partir de variáveis topográficas e 225 pontos amostrais de treinamento e 225 pontos amostrais de validação. Se fez uso de 8 atributos topográficos e 1 atributo adicional, a saber : elevação, declividade, orientação das vertentes, cobertura em plano, curvatura em perfil, Índice de Potência do Escoamento, Índice Topográfico de Umidade, Comprimento e Gradiente do Declive (Fator LS) e dados da cobertura e uso da terra. Para a validação do modelo, utilizou-se a área sob a curva (AUC) a partir da curva ROC (Relative Operating Characteristic), em que se obteve um valor de 0,96, classificando assim o modelo como dede excelente qualidade probabilística. Pós classificação da suscetibilidade, obteve-se as seguintes áreas - muita baixa 50, 96 % ; baixa 10, 65% ; moderada 8, 12% ; alta 8, 79% ; muito alta 20, 96% e sem dado 0, 52%. Posteriormente a validação do modelo, foram realizados levantamentos aerofotogramétricos em uma área teste na voçoroca do bairro Dom Hélder Câmara, visando a quantificação das mudanças morfológicas entre os anos de 2016 e 2018 em uma escala de 1:1.000, obtendo como resultado que entre os anos analisados houve aumento areal da voçoroca de aproximadamente 2.408,37 metros quadrados e foram erodidos cerca de 143.039,24 metros cúbicos

Présentation

Page publiée le 22 décembre 2022