Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Master → Brésil → 2003 → Processamento de imagens AVHRR/NOAA visando o monitoramento de estiagem

Universidade Estadual de Campinas (2003)

Processamento de imagens AVHRR/NOAA visando o monitoramento de estiagem

PALLONE FILHO, Wander Jose.

Titre : Processamento de imagens AVHRR/NOAA visando o monitoramento de estiagem

Auteur : PALLONE FILHO, Wander Jose.

Université de soutenance : Universidade Estadual de Campinas

Grade : Mestre em Engenharia Agrícola 2003

Résumé
O objetivo do presente trabalho foi o desenvolvimento de um método visando o monitoramento de estiagem a partir da evolução dos índices de vegetação NDVI e Ratio, calculados com base em uma série temporal de imagens AVHRR/NOAA-14. Para viabilizar o desenvolvimento da metodologia proposta, foi elaborado o programa PRIMA, para operacionalizar o processamento de imagens AVHRR-NOAA. Com base no levantamento das estações meteorológicas localizadas em regiões livres de cobertura por nuvens em imagens diárias, correspondentes ao mês de fevereiro de 1999, foi possível selecionar cinco estações localizadas no Estado de São Paulo, as quais foram utilizadas na realização do presente trabalho. Para a comparação dos registros diários de precipitação com os índices de vegetação Ratio e NDVI derivados das imagens, considerou-se o valor desses índices como a média representativa de uma janela de 3x3 pixels centrada na posição de cada estação. Com isso, foram construídos gráficos que permitiram comparar a ocorrência da precipitação com a evolução dos índices utilizados, durante o período avaliado. O programa desenvolvido, a partir da correção geométrica e da calibração radiométrica de imagens AVHRR/NOAA no formato padrão Level-1B, gera imagens de Ratio, NDVI, temperaturas de brilho TB4 e TB5 e temperatura de superfície TS, abrangendo todo o Estado de São Paulo. Foi possível, para algumas estações estudadas, verificar um comportamento coerente na evolução dos índices Ratio e NDVI, condicionado pela ocorrência de precipitações. Já para outras estações, o comportamento desses índices foi aleatório às precipitações ocorridas. Os resultados obtidos também revelaram que o índice Ratio foi mais sensível à ocorrência das precipitações que o NDVI

Mots clés  : Secas ; Meteorologia ; Sensoriamento remoto ; Imagens multiespectrais ; Monitoramento vegetal ;

Présentation

Version intégrale (3,0 Mb)

Page publiée le 27 novembre 2015, mise à jour le 14 mars 2019