Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Master → Brésil → Artrópodes de solo habitantes da caatinga sob manejo florestal (Fazenda Alvorada, São Gonçalo do Amarante, Ceará)

Universidade Federal do Ceara (2016)

Artrópodes de solo habitantes da caatinga sob manejo florestal (Fazenda Alvorada, São Gonçalo do Amarante, Ceará)

MAIA, Liliane dos Santo

Titre : Artrópodes de solo habitantes da caatinga sob manejo florestal (Fazenda Alvorada, São Gonçalo do Amarante, Ceará)

Auteur : MAIA, Liliane dos Santo

Université de soutenance : Universidade Federal do Ceara

Grade : Mestre em Agronomia/Fitotecnia. 2016

Résumé
A Caatinga é a vegetação predominante no semiárido Nordestino, caracterizada por plantas caducifólias que perdem suas folhas durante o período de estiagem. Uma das práticas que vem contribuindo para a perda da diversidade é a exploração indiscriminada da vegetação natural para produção de lenha, cujos efeitos são devastadores, principalmente, no bioma que é considerado um dos mais frágeis. Visando a exploração da madeira de forma legalizada e sustentável, a partir de 2012 foram aprovados Planos de Manejo Florestal. Para garantir a sustentabilidade do Plano de Manejo Florestal se faz necessário a realização de pesquisas que avaliem os possíveis impactos sobre os artrópodes de solo, uma vez que esses organismos reagem rapidamente a qualquer alteração ocorrida dentro de um ambiente. Diante do exposto o presente trabalho tem por objetivo relatar informações sobre os principais grupos de organismos habitantes do solo (Artrópodes de solo ou edáficos), bem como o efeito do plano de Manejo florestal sobre organismos presentes em uma área do bioma Caatinga. Foram selecionadas cinco áreas que adotam Plano de Manejo Florestal em diferentes estágios de sucessão (T1- Área sem ser explorada à seis meses ; T2- Área sem ser explorada à 2-3 anos ; T3- Área sem ser explorada à 5-6 anos ; T4- Área sem ser explorada à 10-11 anos e ; Te- Testemunha representada pela área de reserva legal (Não explorada), onde foram instaladas quatro armadilhas ‘Pitfall’ em cada área. A partir dos artrópodes coletados foram calculados os índices ecológicos : Shannon-Weaver (H’) e o Índice de Uniformidade de Pielou (e), a riqueza de espécies e utilizada a análise multivariada - Análise de Componentes Principais (ACP). Constatou-se a presença de diversas espécies de artrópodes que foram agrupados à nível de Ordem, sendo encontrados de sete à 14 grupos. Constatou-se ainda que Acari, Collembola, Formicidae e Diptera foram os grupos mais representativos em quantidade e que o ciclo de 10 anos de exploração da Caatinga seguindo o Plano de Manejo Florestal contribuiu para restauração do ecossistema

Mots Clés : Entomofauna. Sustainable exploitation. Ecological succession. Insect diversity. Entomofauna. Exploração sustentável. Sucessão ecológica. Diversidade de insetos.

Présentation

Version intégrale

Page publiée le 16 septembre 2017, mise à jour le 12 mars 2019