Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Master → Brésil → Produtividade e rentabilidade da forragem de sorgo sob lâminas de irrigação e níveis de cobertura morta em condições semiáridas

Universidade Federal do Ceará (2017)

Produtividade e rentabilidade da forragem de sorgo sob lâminas de irrigação e níveis de cobertura morta em condições semiáridas

SOUSA, Paulo Gleisson Rodrigues de.

Titre : Produtividade e rentabilidade da forragem de sorgo sob lâminas de irrigação e níveis de cobertura morta em condições semiáridas

Productivity and profitability of sorgo forage under irrigation blades and levels of dead coverage in semiarid conditions

Auteur : SOUSA, Paulo Gleisson Rodrigues de.

Université de soutenance : Universidade Federal do Ceará

Grade : Mestrado em Engenharia Agrícola 2017

Résumé
A cultura do sorgo (Sorghum bicolor L.) tem larga utilização na produção de forragem, sendo aproveitada na forma de feno e de silagem e em pastejo. E muito cultivada em regiões áridas e semiáridas, entretanto, frequentemente com baixas produtividades em condições de sequeiro, apesar da sua elevada adaptabilidade climática. Por conseguinte, a baixa disponibilidade hídrica regional suscita técnicas de mitigação dos efeitos do estresse hídrico, como a utilização de cobertura morta. Dessa forma, objetivou-se avaliar os indicadores de produção e de rentabilidade do sorgo forrageiro (BRS Ponta Negra) sob diferentes laminas de irrigação (50 ; 75 ; 100 ; 125 e 150% da evapotranspiração da cultura, ETC) associadas a níveis de cobertura morta com bagana de carnaúba (0,00 ; 2,50 ; 3,75 ; 5,00 e 6,25cm). O trabalho foi conduzido no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia – Campus de Umirim, no período de setembro de 2016 a janeiro de 2017. O delineamento experimental foi disposto em parcelas subdivididas, 5 x 5, com 5 repetições, totalizando 125 unidades experimentais. As variáveis analisadas foram : altura da planta, diâmetros do caule e da panícula e comprimento da panícula ; produtividades de forragem e de massa seca e eficiência de uso da agua ; e indicadores, relação benéfico/custo, valor presente liquido, taxa interna de retorno e período payback. As variáveis morfológicas foram influenciadas significativamente pelas laminas aplicadas, com aumento linear crescente para as variáveis altura de planta e comprimento da panícula. Já as variáveis diâmetros do caule e da panícula apresentaram valores máximos com laminas próximas a equivalente a 100% da ETc ; Os níveis de agua e de bagana influenciaram significativamente a produtividade de forragem de sorgo, sendo essa crescente com a elevação desses fatores. A adoção de irrigação deficitária reduziu a produção de forragem, entretanto, aumentou a eficiência do uso da agua ; A produção de sorgo mostrou-se viável financeiramente para todos os indicadores em analise, em todas as laminas de irrigação aplicadas e em todos os níveis de cobertura morta, apontando ser essa uma cultura promissora para a região. Entretanto, a utilização da maior lamina aplicada, equivalente a 150% da ETc e o não uso de cobertura morta mostraram-se como as condições mais viáveis economicamente quanto as analises de sensibilidade dos custos e das receitas ; Como estratégia para o crescimento da exploração dessa cultura faz-se necessário a valorização das políticas de acesso ao créditos, como por exemplo o Pronaf, assim como a associação das técnicas de manejo conservacionista principalmente do solo e agua.

Présentation

Version intégrale (2,58 Mb)

Page publiée le 15 mars 2019