Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Doctorat → Brésil → Avaliação genotóxica e mutagênica em Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) das águas do Rio Capibaribe, Pernambuco, Brasil

Universidade Federal de Pernambuco (2019)

Avaliação genotóxica e mutagênica em Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) das águas do Rio Capibaribe, Pernambuco, Brasil

SILVA, Jordany Gomes da

Titre : Avaliação genotóxica e mutagênica em Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) das águas do Rio Capibaribe, Pernambuco, Brasil

Auteur : SILVA, Jordany Gomes da

Université de soutenance : Universidade Federal de Pernambuco

Grade : Doutorado - Bioquímica e Fisiologia 2019

Résumé
Cada vez mais os ecossistemas aquáticos vêm sofrendo impactos devido ao modo como esses recursos estão sendo utilizados e administrados. Grandes aglomerados populacionais nas cidades, a agricultura e a ampliação do setor industrial aumentam a concentração de compostos xenobióticos nestes ecossistemas. Desta forma, tornou-se necessário a utilização de testes que possibilitem analisar e monitorar os impactos ambientais ocorridos nestes ambientes. O objetivo deste trabalho foi avaliar, por meio de variáveis físico-químicas o gradiente de contaminação das águas do rio Capibaribe a fim de identificar a qualidade da água e possível ação antrópica. Adicionalmente, foi verificada, a ação genotóxica dos compostos xenobióticos em populações de Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). Para tanto, foram realizadas coletas semestrais de água e espécimes (15) de O. niloticus durante os anos de 2015, 2016 e 2017 em sete pontos estratégicos do rio Capibaribe, além de três barragens de abastecimento e estação de tratamento de agua (ETA). Para análises físicos e química foram investigados os seguintes parâmetros : Temperatura (Cº), Turbidez (NTU), Condutividade (μS/cm), Sólidos Totais Dissolvidos (mg/L), pH e Oxigênio Dissolvido (mg/L), além dos metais : Cádmio (Cd), Chumbo (Pb), Cobre (Cu), Cromo (Cr), Ferro (Fe), Manganês (Mn) e Zinco (Zn). Para analises genotóxicas e mutagênicas foram utilizados o ensaio cometa e o teste de micronúcleo, respectivamente ; além dos índices pluviométricos mensais disponibilizados pela Agência Pernambucana de Águas e Climas – APAC. Os dados demonstram que as águas do ambiente investigado estão impactadas em diferentes níveis de contaminação, apresentando valores físico-químicos acima dos estabelecidos pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente - CONAMA (resolução nº 357/2005). Altos índices e frequências de danos ao DNA (micro e macro lesões) foram detectados em relação as amostras controle, em todos os períodos e locais investigados. Porém, os mais significativos ocorreram nos ambientes onde as concentrações dos metais estavam mais elevadas, indicando efeitos genotóxicos desses compostos. A maior influência do impacto ambiental causado neste ecossistema ocorre nos ambientes que recebem resíduos de empresas têxtil, esgotos dos centros urbanos e agricultura, os quais apresentaram uma carga de poluição mais significativa e consequentemente uma menor capacidade da manutenção da vida aquática. Essas informações poderão servir de subsídio à tomada de decisão pelos órgãos ambientais regionais responsáveis pela gestão dos recursos hídricos, uma vez que os resultados podem auxiliar a traçar um perfil de conservação e assim gerar melhorias para resgatar a qualidade da água e vida do rio Capibaribe.

Présentation

Version intégrale (2,23 Mb)

Page publiée le 1er février 2020