Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Master → Brésil → 2019 → Indicadores de qualidade de água nos reservatórios Acarape do Meio e Gavião

Universidade Federal do Ceará (2019)

Indicadores de qualidade de água nos reservatórios Acarape do Meio e Gavião

Lima, Gustavo Ross Ribeiro

Titre : Indicadores de qualidade de água nos reservatórios Acarape do Meio e Gavião

Auteur : Lima, Gustavo Ross Ribeiro

Université de soutenance : Universidade Federal do Ceará

Grade : Mestrado em Engenharia Civil 2019

Résumé
A incerteza ao acesso à água de qualidade aceitável, principalmente para o abastecimento humano, define o cenário crítico enfrentado atualmente por entidades gestoras de recursos hídricos. Diversos fatores contribuem significativamente para agravar tal situação, em especial aqueles relacionados a ações antrópicas. O trópico semiárido brasileiro, encontrado em grande parte do sertão nordestino, possui algumas peculiaridades que intensificam a escassez de água, como temperaturas elevadas, baixos índices pluviométricos e altas taxas de evaporação. Diante disso, há necessidade urgente na execução de planos estratégicos e programas de monitoramento, a fim de preservar os reservatórios utilizados e aumentar a margem de garantia do serviço ofertado. A eutrofização, fenômeno bastante comum em sistemas lênticos, caracteriza-se pelo acúmulo de nutrientes e consequente aumento da produtividade primária. Para se determinar o grau de trofia de determinado corpo aquático, utiliza-se o Índice de Estado Trófico (IET), usando valores de concentração, basicamente, de fósforo e clorofila a. Outro índice amplamente empregado é o Índice de Qualidade de Água (IQA), que quantifica a qualidade da água com base em diversos parâmetros. O presente trabalho teve como objetivo avaliar os indicadores e índices de qualidade, bem como suas relações, nos reservatórios Acarape do Meio e Gavião. A partir dos dados de monitoramento dos dois reservatórios considerados, desenvolveu-se o Índice de Estado Trófico modificado para o trópico semiárido (IETMSA). Esse índice contém parâmetros usuais na representação do grau de trofia (fósforo total e nitrogênio total), exclui a profundidade do disco de Secchi e considera a contagem total de cianobactérias. O IETMSA apresentou boa correlação com os diferentes modelos de IET (0,888 ≤ r ≤ 0,922). A contagem total de cianobactérias (CB), em ambos os reservatórios, foi estimada através da clorofila a e dos nutrientes fósforo total e nitrogênio total. A regressão múltipla não linear explicou 85,2% da variação semestral de CB. Para a análise da qualidade da água, três índices foram adaptados e utilizados : IQANSF, IQAR e IQACCME. Na utilização do IQACCME, realizou-se pré-seleção de parâmetros (CB, CTT, OD e pH) e seleção através do teste t (PT e SDT). Obteve-se relevante associação entre os diferentes modelos de IET e o IQAR (0,735 ≤ r ≤ 0,829). Apesar dessa aparente relação, os dois índices possuem finalidades distintas.

Présentation

Version intégrale (1,7 Mb)

Page publiée le 25 février 2020