Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Master → Brésil → 2019 → Dinâmica de transporte de sedimento não-uniforme em um micro-reservatório no semiárido

Universidade Federal do Ceará (2019)

Dinâmica de transporte de sedimento não-uniforme em um micro-reservatório no semiárido

Almeida, Thais Rodrigues

Titre : Dinâmica de transporte de sedimento não-uniforme em um micro-reservatório no semiárido

Non-uniform sediment transport dynamics in a micro-reservoir in the semiarid

Auteur : Almeida, Thais Rodrigues

Université de soutenance : Universidade Federal do Ceará

Grade : Mestre em Engenharia Agrícola 2019

Résumé
A dinâmica do processo de erosão e a produção de sedimentos em uma bacia hidrográfica tem grande relevância para a gestão dos recursos hídricos. Todos os cursos d´água transportam sedimentos com maior ou menor intensidade, sendo responsáveis pelo o processo de assoreamento. Esse processo provoca a redução da calha do rio e volume de reservatórios, comprometendo assim, o abastecimento humano, sistemas de geração de energia, navegação. Por isso, há interesse em compreender a dinâmica dos processos hidrológicos e hidrossedimentóligicos, principalmente em regiões semiáridas pois são importantes para conservação e preservação das bacias hidrográficas. Assim, o objetivo do estudo foi avaliar a dinâmica de sedimentos não-uniforme, utilizando a equação de Haan et al. (1994), em um micro-reservatório, a montante do açude escola, localizado na Fazenda Experimental do Vale do Curu (FEVC) – Pentecoste/CE. A parte experimental da pesquisa foi realizada com coleta de dados pluviométricos e hidrossedimentológicos, amostras de solo e escoamento superficial durante a quadra chuvosa nos anos de 2018 e 2019. O monitoramento da erosão do solo no micro-reservatório, assim como, o de deposição do sedimento, foi feito com o uso de pinos de erosão. No micro-reservatório, foram aplicados os modelos de transporte de sedimento propostos por Haan et al. (1994) e Fifield (2011). Os resultados obtidos indicaram que houve uma mudança na dinâmica do processo erosivo em relação aos monitoramentos realizados na área de estudo. A observação comparativa dos eventos de escoamento monitorados com as alterações observadas no leito do micro-reservatório mostrou que há uma inter-relação entre os eventos de vazões de maiores magnitudes com o aumento da erosão, em comparação a eventos de vazões de menores magnitudes. A partir da espacialização dos parâmetros físicos do solo pode-se perceber a dinâmica do processo erosão e deposição de sedimentos na área monitorada. O modelo proposto por Haan et al. (1994), apresentou bom desempenho em simulações de balanço de sedimentos para reservatórios maiores, na aplicação para escala de micro-reservatório, obteve-se uma superestimativa do sedimento depositado.

Présentation

Version intégrale (4 Mb)

Page publiée le 28 février 2020