Informations et ressources scientifiques
sur le développement des zones arides et semi-arides

Accueil du site → Doctorat → Portugal → Biodiversity, Evolution and Conservation of Threatened Desert Ungulates

Universidade do Porto (2018)

Biodiversity, Evolution and Conservation of Threatened Desert Ungulates

Ferreira da Silva Teresa Luísa

Titre : Biodiversity, Evolution and Conservation of Threatened Desert Ungulates

Auteur : Ferreira da Silva Teresa Luísa

Université de soutenance : Universidade do Porto

Grade : Doutoramento em Biodiversidade, Genética e Evolução 2018

Résumé partiel
A biodiversidade está a diminuir à escala global como consequência da perda de habitat e das alterações climáticas. As actividades humanas de exploração nos desertos e regiões áridas estão a aumentar, assim como a aridez nessas regiões, as quais afectam negativamente os padrões locais de distribuição da biodiversidade. A maior parte do Norte de África é ocupada pelas ecorregiões Saara-Sael, que compõem o maior deserto quente do mundo e as regiões áridas vizinhas a sul. Múltiplas espécies no Saara-Sael estão listadas como ameaçadas pela Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da UICN (União Internacional para a Conservação da Natureza). Os ungulados desta região são representados por cinco gazelas, Eudorcas rufifrons, Gazella cuvieri, G. dorcas, G. leptoceros e Nanger dama, e três antílopes de grande porte, Addax nasomaculatus, Ammotragus lervia e Oryx dammah. Duas gazelas ameaçadas, G. bennettii e G. subgutturosa, estão presentes no Planalto Central Árido do Irão. A megafauna é um dos grupos de animais mais ameaçados na Terra, o qual experimenta fortes declínios no tamanho e distribuição das populações. A principal causa do declínio dos ungulados no deserto é a caça ilegal, mas alterações no coberto do solo/uso do solo, alterações climáticas, e aumento da extracção de recursos naturais, invasão agrícola e competição do gado também são motivos para o declínio. _ O objectivo geral desta tese era contribuir para o planeamento da conservação de ungulados ameaçados, particularmente das gazelas do Norte de África. Este objectivo geral foi alcançado delineando quatro objectivos principais : i) aumentar os métodos moleculares disponíveis para a identificação genética de ungulados norte-africanos ameaçados sem a necessidade de amostragem invasiva ; ii) esclarecer as relações filogenéticas entre gazelas norte-africanas ameaçadas e identificar áreas de potencial ocorrência ; iii) estimar as relações entre as diversidades genéticas de 12 ungulados africanos e os padrões de regressão da distribuição observados e factores intrínsecos e extrínsecos ; e iv) avaliar a estrutura genética de uma gazela asiática e os efeitos das características da paisagem nos padrões de fluxo genético.

Présentation

Version intégrale (18,4 Mb)

Page publiée le 13 avril 2020